Tempo de leitura: 05:40 min

Apos conquistar diversos fãs com seus quadrinhos, Deadpool ganhou seu primeiro filme solo em 2016. Conquistando assim uma legião de novos fãs que mal sabiam o que esperar quando entraram nas salas de cinema. Para ajudar aos velhos e novos fãs, listamos alguns fatos sobre Deadpool que você precisa conhecer.

1Origem de Deadpool

Deadpool foi criado pelo mestre da anatomia Rob Liefeld e Fabian Nicieza e teve sua estreia em New Mutants #98 (Fevereiro de 1991). Originalmente o personagem foi criado para ser um vilão, mas após cair no gosto dos fãs de quadrinhos ele acabou se tornando um anti-herói.

2História

Deadpool teve uma infância conturbada, perdeu sua mãe para um câncer quando tinha apenas 4 anos e teve que passar vários anos convivendo com um pai alcoólatra e violento.

Sua vida como mercenário começou quando ainda era um adolescente, onde aceitava apenas missões em que ele considerava que a vítima merecia morrer. E se fracassasse em alguma missão, Wade costumava mudar sua identidade, chegando até mesmo a fazer plásticas em seu rosto.

Mas o personagem como o conhecemos só veio surgir muitos anos depois. Quando Wade Wilson teve que abandonar a vida com sua namorada Vanessa Carlysle por causa de um câncer em estado terminal.

O câncer serviu como um motivo para Wade aceitar o convite do Projeto Arma X, que prometeu curá-lo. Foi cobaia dos mesmos experimentos que Wolverine e recebeu até células regenerativas do mutante, na tentativa de recriar seu fator de cura.

A sequencia de experimentos teve um efeito colateral permanente e Wade teve todo o seu corpo permanentemente deformado.

Após os experimentos, Wade foi transferido para um esquadrão pertencente ao Projeto Arma X. Mas após causar a morte de um de seus companheiros, Wade foi internado em um hospício destinado a experimentos que falharam.

O hospital era administrado pelo Doutor Killebrew e seu assistente Francis. E ao invés de ser um local de reabilitação, o hospício era na verdade um local de terror. Onde os pacientes eram utilizados como cobaias e sofriam torturas. As condições de vida eram tão desesperadoras que os pacientes criaram um jogo chamado “dead pool”, onde eles apostavam quem seria o próximo a morrer.

Nessa época, as diversas vezes em que quase chegou a beira da morte fizeram Wade conhecer a entidade Morte, por quem acabou se apaixonando. Sua vontade de estar com sua amada era tão grande, que Wade provocava Francis na tentativa de acabar sendo morto. Contudo, Francis acabou descontando sua raiva em um amigo de Wade, lobotomizando o coitado. O que levou o próprio Wade a ter que matar seu amigo para acabar com seu sofrimento.

Esses eventos desencadearam uma luta entre Wade e Francis, onde Wade teve seu coração arrancado, despertando assim seu fator de cura. Após matar o Doutor Killebrew, Wade fugiu do hospício com vários outros pacientes e adotou o nome Deadpool.

3Ciumes em proporções titânicas

A paixão de Deadpool pela Morte acabou despertando ciumes no titã louco Thanos, que para acabar com a concorrência, decidiu amaldiçoar Deadpool com a imortalidade para que ele nunca pudesse ficar com a Morte.

4Poderes

Deadpool possui um dos melhores fatores de cura da Marvel, provavelmente perdendo apenas para o Hulk. Seu fator de cura permite que Deadpool seja imune a drogas, venenos e regenere qualquer órgão ou partes do corpo, seja um braço ou uma cabeça.

Diferente do Wolverine, seus ossos não são de Adamantium. Então uma queda de um prédio resulta em uma exaustiva tarefa de recolocar todos os ossos no lugar antes que seu fator de cura comece a funcionar.

O fator de cura é seu poder principal e foi a partir dele que Deadpool adquiriu também resistência, agilidade, reflexos e força sobre humana.

Além de todas essas habilidades, Deadpool é um dos melhores esgrimistas e possui uma das melhores habilidades com armas de fogo da Marvel. Sem contar sua imortalidade, presente do Titã enciumado Thanos.

5Irmão perdido de outra editora

O personagem foi criado como uma parodia de um vilão importante da DC Comics, o Exterminador (Deathstroke). E assim como seu irmão Slade Wilson, Deadpool também é um mercenário e ganhou o mesmo sobrenome, sendo batizado de Wade Wilson.

6Sua primeira aparição nos cinemas foi vergonhosa

O primeiro filme solo do Deadpool, lançado em 2016, foi sem dúvida um sucesso de público. Tendo surpreendido até mesmo aqueles que esperavam encontrar apenas mais um filme tradicional de super-herói. Mas essa é na verdade a sua segunda aparição nos cinemas.

A primeira aparição de Deadpool foi em 2009 no filme X-Men: Origens – Wolverine e está longe de ter sido fiel ao personagem. Dessa vez Deadpool, também interpretado por Ryan Reynolds, ao invés de ser o Mercenário Tagarela que conhecemos ao passar pelo Projeto Arma X, ele foi transformado em algo parecido com uma parodia do Baraka com poderes copiados de diversos mutantes. Tendo até mesmo rajadas óticas iguais ao do Ciclope.

Tudo foi tão vergonhoso que esse episódio chegou até a ser zoado no primeiro filme.

7Medo de vacas

Deadpool é um mercenário extremamente letal, possui poderes incríveis e não tem medo nem de cair na porrada com o Wolverine. Afinal, com tantos poderes, é meio logico que ele não precisa temer nada, certo? Errado!

Deadpool possui um curioso medo de vacas. E como “the zoeira never ends“, certa vez ele precisou fazer parceria com uma vaca vampira.

8Quebrando a 4° parede

A 4° parede é uma barreira imaginaria que serve para separar os atores da audiência e condiciona o público a ser apenas um espectador. Sem poder atuar ativamente no universo que se desenvolve do outro lado da 4° parede.

Assim como alguns outros personagens, Deadpool pode quebrar essa 4° parede. Ele tem plena consciência de que é um personagem de quadrinhos, que tem um filme solo e por isso ele conversa com o publico diversas vezes.

9Sexualidade

Após um fã perguntar a Fabian Nicieza se seria possível ver um romance entre Deadpool e Cable, foi revelado que o personagem é pansexual. Deadpool pode sentir atração por qualquer pessoa, independente do seu sexo ou identidade de gênero.

O único problema sobre essa revelação foi a forma como Fabian Nicieza descreveu a orientação sexual do personagem. “As células cerebrais do Deadpool estão em constante movimento, ele pode ser gay em um minuto e hétero no próximo, todas as opções são validas“. A resposta não agradou algumas pessoas pois dava a entender que a pansexualidade do Deadpool era resultado de um problema cerebral.

Chegamos ao fim da nossa lista de fatos sobre Deadpool. Espero que você agora conheça melhor o personagem esteja preparado para a estreia do segundo filme do Mercenário Tagarela.

Aproveite e compartilhe com seus amigos!