Finalmente tive a honra de cobrir um dos eventos que tanto aguardava conhecer nessa minha vida geek, a Video Games Live (VGL 2017). Um evento onde todo gamer, seja casual ou hardcore, tem o prazer de escutar as trilhas sonoras mais famosas do mundo gamer ao vivo.

O concerto aconteceu nas cidades de São Paulo, Belo Horizonte e Rio de Janeiro, em sua 12ª edição para o Brasil. Nós fizemos a cobertura em SP, no comando do espetáculo estava Tommy Tallarico, que presentou os fãs de games com convidados muito especiais.

VGL 2017 – O Espetáculo

Antes da atração principal tivemos um breve concurso de cosplayers com votação feita na hora pelo público. O vencedor foi o Stormtrooper Jedi. Parabéns ao vencedor pela criatividade!

O evento teve como regente principal Emmanuel Fratianni, fazendo a orquestra sinfônica tocar os grandes clássicos de Mario; Zelda; Sonic, Street Fighter entre outros. Cada música era acompanhada de um trailer com cenas dos jogos em questão. E encaixava exatamente com cada nota musical entoada dentro do grande teatro Bradesco.

Nas músicas dos jogos da Nintendo (Zelda e Mario) tivemos vídeos dos respectivos compositores com uma mensagem para o público do VGL 2017. Além, de algumas animações com personagens da casa do Mario contando uma piada relacionada aos jogos.

Falando em Nintendo, quase na metade do espetáculo, estávamos esperando a próxima canção quando escutamos Jigglypuff dá o tom. E então o maestro Emmanuel deu o comando fazendo a orquestra tocar a trilha sonora conhecida pelos mais antigos treinadores pokémon. A canção de Pokémon Red e Blue invade o teatro e então é seguida pela canção de batalha, lema da Equipe Rocket e por fim a canção de vitória da liga. Haja coração!

Você pode conferir o vídeo abaixo que fizemos com esse momento épico, cara treinador:

Mas as surpresas da noite ficaram por conta dos convidados especiais. Tommy trouxe ao palco os compositores: Neal Acree e Marty O’Dannell. Que agitaram o público com as canções de Overwatch, HeartStone e Halo.

VGL 2017 – Surpresa Final

Após o segundo ato do evento, uma tela de continue, como nos jogos, preparava ainda o que estava por vir. Tommy entra vestido com uma camisa escrito “Ayrton Senna” com a bandeira do Brasil. A galera pedia Top Gear mas Tommy então puxou Street Fighter com o público gritando o nome do lutador Blanka.

Tommy Tallarico com a camisa em homenagem a Ayrton Senna
Tommy Tallarico com a camisa em homenagem a Ayrton Senna

Mas depois de agradecimentos e cumprindo uma promessa feitar por ele em edições anteriores, Tommy juntamente com maestro Emmanuel puxa Top Gear. Sim, a canção tão pedida pela plateia invadiu o teatro e encerrou o evento em grande estilo.

A VGL 2017 foi um evento que jamais vou me esquecer. Tocando trilhas sonoras de grandes clássicos e games atuais. É um evento que todo gamer precisa incluir em sua lista de coisas geek para assistir antes de sua vida chegar ao game over.

Pague um café!

Gostou desse artigo? Que tal pagar um café ao nossos Autores? Eles ficarão felizes com seu apoio =)